Tudo sobre Revolut

Aqui podes encontrar toda a informação essencial que precisas de saber para te iniciares no Revolut! Tudo sobre Revolut está neste texto!

Se só estás à procura do “manual” para obter o cartão Revolut, é só clicar aqui.

Se precisas de ajuda urgente, o melhor é contactar já o suporte oficial da Revolut. Vê como no final deste documento, no ponto 10.

Caso contrário, continua a ler!

última data de actualização: 14-junho-2020.

  1. O que é o Revolut? 🤔
  • O Revolut é uma conta 💳 “multi-moeda”, que podes “carregar” (ou “fazer um top-up”) na tua moeda principal (normalmente em € (Euro) e depois pagar em qualquer moeda (dólares, libras, liras turcas, baht tailandês, real brasileiro, zloty polaco, franco suíço, etc., etc.) em qualquer país, custos escondidos ou comissões absurdas, e ao câmbio inter-bancário (que é o melhor câmbio possível!). Podes ver também este artigo que publicamos sobre o câmbio. Associado à tua conta, tens o teu cartão Revolut (até podes ter mais do que um cartão, físicos e/ou virtuais).
  • Embora seja possível (ler também esta nota), não é preciso fazer previamente conversão para a moeda em que queremos pagar (ou levantar), o Revolut faz tudo automaticamente.
  • Podes também:
    • enviar / receber transferências em várias moedas (sem custos do lado do Revolut)
    • levantar até 200€ (ou equivalente, no plano Standard) a cada 30 dias (sem custos do lado do Revolut). Nota: há ATM que cobram taxas de serviço! Continua a ler!

2. UAU! E não há “asteriscos” ?

  • Acima dos tais 200€ de levantamentos (por cada 30 dias, no plano Standard), o Revolut tem uma taxa de 2% sobre esse valor. Mesmo assim, quem usa diz que compensa face aos cartões “normais”. Mais uma vez, só sobre levantamentos e só acima dos 200€ a cada 30 dias.
    • Atenção: não confundir com as “taxas de serviço” que por esse mundo fora as ATM cobram! Há muitos países onde se paga para levantar dinheiro (Portugal é quase uma excepção nesta matéria)! E não tem a ver com o Revolut, essas “taxas de serviço” ou “taxas locais” são cobradas a qualquer cartão. Por isso, presta muita atenção aos menus das ATM e à informação que é apresentada.
    • No grupo Revolut Portugal, temos um post com link para uma lista de ATM por todo o mundo (adere e pesquisa por “ATMs sem custos” ou clica aqui). E também deves pesquisar pelo sítio para onde tencionas viajar (vê aqui como fazer se não sabes), pois há dezenas, centenas de posts e comentários de membros do grupo que partilham a sua experiência e dão dicas fabulosas, como por exemplo, bancos onde não se paga por levantar!
  • E ao fim-de-semana (horário sempre igual a Portugal, ou seja, das 23:59h de Sexta-feira até às 23:59 de Domingo), é aplicada uma margem de 0.5% sobre o tal câmbio “super-espectacular”, nas principais moedas, que já são 15 (vê aqui a nossa explicação ou aqui no site oficial da Revolut). Nota: nessas principais moedas, estamos a falar de 50 cêntimos por cada 100€ cambiados, não vale a pena complicar!
  • No plano Standard (que é o que recomendamos para começar) não há qualquer custo de mensalidade ou de “manutenção”. Quem quiser, quando quiser, pode a todo o momento “fazer o upgrade” para o plano Premium ou Metal, com as respectivas mensalidades associadas (na data de actualização deste texto, €7.99/mês ou €82/ano para o Premium e €13.99/mês ou €135/ano para o Metal).

3. E é de borla? Como é que peço o meu?!

  • Sim, podes abrir gratuitamente uma conta Revolut em minutos, usando apenas o teu telemóvel. Depois, podes logo obter o teu cartão físico, só pagas os portes de envio, bastando para isso apenas seguir o nosso procedimento exclusivo, e que está publicado aqui.
  • Nota: relembramos que a campanha com a oferta dos portes de envio já terminou .

4. ⌛ Quanto tempo demora a chegar o cartão? E quando chegar, o que faço?

  • Após o pedido (desde que correctamente efectuado), aparece na app uma data estimada para a entrega. Mas a experiência de muitas pessoas que já pediram diz que o cartão demora 1 a 2 semanas a chegar, e muitas vezes, até menos! Basta irem ao grupo Revolut Portugal (grupo) e ver os posts mais recentes com #omeucartãojáchegou!
  • Uma vez os cartões enviados, a informação de data prevista poderá deixar de aparecer na aplicação pois depende apenas dos correios. Ainda assim podes verificar alguma informação em: Painel-> Símbolo ‘?’ no canto superior direito-> “Não recebi o cartão” ou ainda num “botão” ou link no separador “Contas” da app ou até debaixo dos dados do cartão. Aparecerá a morada de envio e a data estimada de entrega, bem como algumas sugestões.
  • Se passar do prazo normal da entrega e não tiveres recebido, fala com um agente do suporte OFICIAL, pede que analisem a situação. Normalmente, vão-te cancelar o cartão que já pediste e emitir um novo, verificando contigo que a morada de envio está 100% correcta (sim, acredita, muitas vezes as pessoas esquecem-se algo importante na morada, tipo número da porta!).
  • Assim que receberes o cartão, deves fazer uma compra numa loja física, usando o chip e o PIN que definiste quando pediste o cartão. Qualquer valor serve, e qualquer loja (desde que tenham contrato com a rede do teu cartão – VISA ou MasterCard). Já agora, podes consultar o PIN a qualquer momento na app, debaixo dos dados do cartão, em “Ver PIN”.

5. Como é que carrego o Revolut?

  • Antes de mais, convém perceberes que o saldo da conta Revolut é o mesmo saldo para tudo: cartões físicos, cartões virtuais, pagamentos, transferências, etc.. Ou seja, uma conta, um saldo, para usar com vários cartões ou operações. Tal como o teu “banco tradicional”.
  • Podes ver aqui um guia passo a passo de como carregar a tua conta Revolut.
    Os carregamentos, ou “top-up”, são normalmente instantâneos e gratuitos, usando um cartão do teu banco, é só clicar no símbolo + “Adicionar dinheiro” junto ao valor do saldo e introduzir/escolher o valor; podes usar:
  • Podes também carregar a tua conta por transferência europeia/ internacional (apenas dá para fazer através do site ou app dos bancos, não dá nas “caixas multibanco”) para o IBAN LOCAL associado à conta do Revolut (feita através da página online do teu banco, demora 1 a 3 dias úteis). Para ver o teu IBAN, é só clicar em “Dados” por baixo do valor do teu saldo ou em Painel-> separador “Contas” -> Clicar na conta respectiva. Se for pedido para fazeres a transferência, o país de destino é tipicamente Reino Unido (em alguns bancos pode aparecer United Kingdom, ou Grã-Bretanha ou Great Britain ou ainda Inglaterra ou England).
    • Nota: As transferências para o Revolut, apesar de serem “internacionais”, são do tipo SEPA; basicamente isto quer dizer apenas dizer que pagas o mesmo para transferir para o Revolut do que pagas para transferir para uma conta portuguesa. Se o teu banco não cobra nada pelas “transferências nacionais”, também não vai cobrar nada pela transferência para o Revolut.
  • FINALMENTE, podes também pedir a outras pessoas com Revolut que te enviem dinheiro (os pais, os avós, os amigos de viagem!). Entre Revolut, as “transferências” são imediatas e sem custos. É só abrir a aplicação, ir a Pagamentos (Payments), e clicar no nome da pessoa, na listagem que lá aparece (nota: os números de telemóvel das pessoas têm que ter o indicativo do país para aparecerem no Revolut).

* com a devida excepção feita a ALGUNS cartões, como já foi amplamente discutido no grupo Revolut Portugal (grupo) , principalmente da CGD mas também MillenniumBCP, e provavelmente outros. Se vais usar cartão de crédito, informa-te bem. Outra nota: se vos aparecer na vossa conta do banco português (ou na app do MBWAY) um valor de “Autorização” – normalmente de 1€ – é normal, e o valor será automaticamente “devolvido” em algumas horas / dias.

  • 5.1 – Há alguma restrição ou limite nos carregamentos por cartão? Ora bem, quando adicionamos um cartão ao Revolut para fazer os carregamentos, nos primeiros tempos, por segurança, o Revolut só deixa carregar a partir desse cartão no máximo cerca de 250€ por dia (este valor é aproximado e foi obtido por experiência própria e de outros utilizadores, pode variar de pessoa para pessoa). Por isso, é preciso ter essa restrição em conta. Com tempo, e à medida que usas cada vez mais o Revolut, a restrição eventualmente ela será “levantada” e poderão carregar valores superiores sem problemas. Podes ultrapassar isto realizando uma transferência bancária para o IBAN do Revolut (não há limites nas transferências, a não ser do lado do teu banco) ou para alguma situação “mais urgente”, uma possível solução, é adicionar outro(s) cartão ao Revolut, tal como explicamos já a seguir:
  • 5.2 – E posso carregar a partir de vários cartões? Claro que sim! Para adicionar os dados de um novo cartão para carregar o Revolut é muito fácil: clicas no “+ Adicionar dinheiro” junto ao valor do saldo, e depois em “Alterar” junto aos dados do cartão que já lá estiver e finalmente na opção “Adicionar cartão de crédito ou de débito” (em inglês: “+ Add debit or credit card”). Já agora, para remover cartões que não te interessem manter, clicas no “i” que aparece junto aos dados e clicas em “Eliminar” (ou “Delete”).

6. E se, por exemplo depois de uma viagem, ficar lá com dinheiro “de sobra”? Ou se quiser transferir dinheiro da conta Revolut para uma conta de outro banco?

  • Bem, se te “sobrar dinheiro” podes sempre usar o teu cartão em Portugal ou online, nas compras do dia-a-dia ou outras quaisquer! Fácil, certo?
  • Podes também transferir de volta para a tua conta “normal”, fazendo simplesmente uma transferência (na aplicação, vais a “Pagamentos” (ícone com 2 setas no menu inferior da app) -> depois clicas em “Transferência Bancária” (em cima) e segues as instruções. A transferência demora normalmente 1 dia útil, mas há vários utilizadores que já confirmaram que recebem o dinheiro em poucas horas (depende de cada banco). E claro, podes transferir dinheiro para outras contas, noutros bancos, tuas ou de outras pessoas, seja em Portugal ou no Mundo! Mais informações sobre transferências no site da Revolut, aqui no Centro de Ajuda.
  • No limite, até podes levantar o dinheiro que lá tens num ATM, mas tem cuidado com o “limite dos levantamentos gratuitos” que referimos acima, no ponto 2.

7. Posso usar para compras online? E por exemplo para o PayPal? E Uber?

  • Sim, claro! Podes usar o cartão físico, mas recomendamos até que uses o cartão virtual para as compras online e aplicações.
  • Podes usar nos vários sites (Gearbest, eBay, AliExpress, etc.) e claro até nas compras do dia-a-dia em Portugal (desde que a loja tenha contrato com a rede Visa/MasterCard).
  • Podes usar no Booking.com para fazer reservas, e claro, pagar nos hotéis com moedas diferentes do Euro e poupar dinheiro!
  • Para usar com PayPal, vê esta dica.
  • Para o Uber e apps do género, vê esta dica.

8. Esta é para vários cenários, do género: “tive que fazer uma devolução” ou “tive uma compra anulada” ou “ia fazer um levantamento e mudei de ideias”. Mas mesmo assim o dinheiro saiu da conta. O que faço?

  • Em primeiro lugar, respira fundo, está tudo bem.
  • É normal este tipo de coisas acontecerem. Tens que compreender que todos os movimentos são registados em tempo real na aplicação, e que todos (mesmo os correctos) ficam “Pendentes” no início (podes saber o estado de um qualquer movimento, simplesmente clicando em cima dele e vês logo a “vista de detalhe”, sendo que o estado aparece logo em cima de todo).
  • Se tiveres algum talão, guarda (como deves sempre guardar todos os talões de pagamento / levantamento).
  • Basicamente, só tens que deixar os “sistemas” processarem que houve uma devolução, ou uma anulação ou uma “desistência”, e o movimento será regularizado. Pode demorar horas, pode demorar vários dias. Respira fundo.
  • Se não tiveres mesmo nenhuma confiança que vai tudo correr bem, se estás mesmo “limitado de dinheiro” e precisas que o movimento que saiu volte a entrar rapidamente, se a aplicação não mostrar qual o motivo da “falha”, já sabes, só tens uma coisa a fazer: contactar o suporte da Revolut, explicar a situação e pedir ajuda.

9. E tenho mais dúvidas! Como é que … e isto? E aquilo?

Já sabes: faz sempre uma “pesquisa no grupo” e vais certamente encontrar uma resposta às tuas perguntas!


10. E se houver algum problema? Quem contacto? O que faço?

🆘 E se houver algum problema? 💁 Ora bem, toda a comunicação com o suporte da Revolut é muito fácil: existe um chat na aplicação, através do qual se explica o problema, podem-se enviar fotos de documentos, etc..

Vê aqui como podes aceder ao suporte.

Revolut FAQ

O que é o Revolut?

O Revolut é uma conta “multi-moeda”, que podes usar para fazer pagamentos em qualquer moeda que não a do teu país, sem custos escondidos ou comissões absurdas.

Aderir ao Revolut é grátis?

Sim, podes abrir gratuitamente uma conta Revolut em minutos, usando apenas o teu telemóvel. Depois, podes logo obter o teu cartão físico, só pagas 5,99€ pelos portes de envio.

Como carregar o Revolut?

Os carregamentos, ou “top-up”, são normalmente instantâneos e gratuitos, usando um cartão do teu banco, é só clicar no símbolo + “Adicionar dinheiro” junto ao valor do saldo e introduzir/escolher o valor.

Fontes de informação:

-Tarifário detalhado do Revolut – clica aqui
– Clarificação do câmbio de fim-de-semana – clica aqui
– Lista de perguntas/respostas para utilizadores pessoais – clica aqui